Saiba como não impedir a criatividade dos seus filhos!

Você sabia que existem coisas que muitas vezes fazemos no nosso dia a dia que acabam privando a criatividade das crianças sem perceber?

Três atitudes que minam a criatividade infantil e como contorná-las:

1 – Criticar em excesso

Mesmo com a melhor das intenções, críticas devem ser dirigidas ao comportamento, jamais à criança. E, mesmo assim, de maneira cuidadosa. Dizer, aos gritos, “Você é bagunceiro!” não faz ninguém se tornar organizado. Mas “Vamos arrumar estes brinquedos de um jeito bacana juntos?” ensina e ainda dá o exemplo de como falar com as pessoas sem magoar.

2 – Transformar televisão e tablet em brinquedos
Crianças que ficam mais de uma hora por dia com os aparelhos ligados têm seu desenvolvimento afetado, pois, com eles, ela não se movimenta, não interage com os familiares, não brinca. Eletrônicos nunca vão substituir o efeito positivo da brincadeira livre, que provoca estímulos físicos e mentais fundamentais para o desenvolvimento das sinapses cerebrais.

3 – Manter a criança sempre ocupada
Ao contrário do que se pensa, uma agenda lotada com atividades, sem tempo livre, não é saudável para a criança. Pelo contrário: tira dela a oportunidade de estimular sua criatividade. Até os 6 anos, pelo menos, a criança precisa, de vez em quando, ficar sem fazer nada.

Afinal, são nos momentos de tédio que ela desenvolverá suas ideias, imaginação e entusiasmo por seus próprios projetos. A motivação nasce, justamente, do ócio, pois a sensação de que lhe falta algo precisa ser suprida, o que estimula a mente a buscar maneiras de “preencher” esse vazio, mesmo que seja apenas com o uso de sua imaginação.

Fonte: Globo