Banner_Noticia_Zastras_Semana 2

Seu filho quer ser um atleta?

O Brasil é a bola da vez nos esportes. Com os jogos olímpicos acontecendo no país, não é de se estranhar que alguns pais suspirem por aí, desejando que seu filho seja, no futuro, um desses atletas campeões. No meio desse desejo surge a dúvida: quais são os passos na trilha para um futuro atlético?

Que criança precisa praticar esporte todo mundo sabe, mas não saia por aí matriculando seu filho na primeira escolinha que encontrar. Saiba que o colégio é o lugar ideal para detectar as habilidades de seu filho.

“O professor de Educação Física é a primeira escada desse sucesso. Ele irá identificar as habilidades e encaminhar as crianças para um treinamento específico”, explica Paula Ulisses Rodrigues, educadora física, especialista em ginástica rítmica (GR) e árbitra nacional da Confederação Brasileira de Ginástica.

O desenvolvimento motor e cognitivo das crianças deve ser trabalhado desde cedo, para que ela esteja preparada para receber ações complexas e, naturalmente, escolher a modalidade que poderá ser destaque – sempre respeitando sua vontade.

A função do profissional de Educação Física é essencial nesse momento de descoberta. É por meio dele, em parceria com a família, que um talento esportivo pode ser lapidado.

“É na escola que a criança tem a possibilidade de experimentar várias modalidades e, assim, ser encaminhada para um esporte específico. Aos pais, cabe a função de apoiar e sempre incentivar nas derrotas, conquistas, frustações e alegrias”, enfatiza Paula.

Quando buscar uma escolinha?

Cada esporte tem a sua especificidade. Existem modalidades que o desenvolvimento é precoce, como as diversas ginásticas, em que os pais podem procurar escolinhas específicas a partir dos 4 anos de idade. “Dependendo de cada modalidade, o professor de Educação Física irá entrar em contato com os pais indicando a melhor alternativa para o futuro talento”, completa a especialista em GR.

A iniciação esportiva é o período em que a criança começa a aprender, de forma específica e planejada, a prática esportiva. Porém, é importante que se conheçam e respeitem suas características para que ela não seja transformada em um miniadulto.

Isso significa que a hora certa de buscar aprimorar o talento de seu filho é aquela em que ele demonstra para que lado quer ir. Não adianta você desejar que seja jogador de futebol, se o que ele mais gosta é de vôlei, por exemplo.

Produtos, brinquedos e brincadeiras que ajudam no incentivo à pratica de esportes
Aqui na Zastras nós trabalhamos com uma linha completa de brinquedos educativos e esportivos que auxiliam a desenvolver os sentidos cognitivos dos pequenos. Para os mais velhos, temos bolas, bicicletas, patinetes, patins, brinquedos aquáticos e muito mais. Venha conferir!